vocês valham-me que eu estou que não posso

Ora pois que voltei às aulas, coisinha boa e chata e tudo. É bom, tirando o levantar antes das sete, que por acaso ainda não aconteceu que a malta ainda não está a todo o gás, mas vai acontecer já na quinta e eu ando a preparar-me psicologicamente que dois meses a acordar às nove e meia moldam-nos o corpo.

Mas chego a casa, tarde e cansada, faz jantar-janta-vê qualquer treta-vai dormir e passear nos blogues é só de fugida. E as saudades que eu já tenho de 2 ou 3 blogues de gente gira em que se conversa nas salas de comentários qual café da praça. Estou roxa de saudades e a pender ali para o ansiosó-deprimido, a considerar, até!, um ansiolítico. Pedia-vos então, pela minha rica saúde, que amanhã que fico em casa escrevessem qualquer coisita e fossemos todos trocar duas de letra para as vossas casinhas de chá, só para matar o bichinho que este síndrome de abstinência já me anda a dar dores nos músculos dos dedos. Ou então venham conversar para aqui que eu abro as janelas de manhã, para arejar. Pode ser sobre lagares de azeite ou a cultura da batata no Nepal, não importa. Mas falem comigo antes que eu me ponha a falar sozinha que diz que isso quando dá nas galinhas faz nascer os pintos carecas, sim?

Anúncios

58 thoughts on “vocês valham-me que eu estou que não posso

  1. DNC diz:

    Então já se iniciaram as aulas outra vez e a menina nem aproveitou as férias para dar um saltinho a Lisboa??? Isso não se faz! Estava tudo à sua espera para um cafézinho…

    • Mariana diz:

      Não deu, Dora. Mas estou a planear tomar Lisboa de assalto assim por volta da Páscoa. Se der mais cedo eu aviso, mas pelo menos na Páscoa guardem-me um café!

      (os teus meninos, já estão bons?)

      • DNC diz:

        O café estará guardado à tua espera!

        Os meninos já estão bem, felizmente. (Depois não te esqueças de indagar sobre aquela situação do brufen, que eu estou muito curiosa.)

        Beijinhos 🙂

      • Mariana diz:

        Indago sim. Ainda não tive essa aula, mas não está esquecido *

  2. rita maria diz:

    Ah, justamente o que eu queria dizer. Mas, ficando falha desse tema, as colheitas de Verão no Nepal aumentaram este ano 10.8% e também se espera que haja bons resultados nas colheitas de Inverno. No entanto, nas montanhas e colinas do Mid-West nepalês a coisa pode estar mais complicada.

    (não inventei isto, fui mesmo ver. É para veres o que é o amor)

    • Mariana diz:

      Rita, tu às vezes assustas-me um bocadinho. E isso foi a colheita da batata ou as colheitas assim em geral? É que eu de nabos e de yacks percebo pouco.

      • rita maria diz:

        Infelizmente foi no geral e um pouco focado nos cereais, sobre a batata especificamente não encontrei dados para este ano, embora saiba que desde 1972, com o National Potato Development Programme, as colheitas tenham vindo sempre a subir com o consumo a aumentar também (a quantidade de batata comida por um nepalês é o dobro da média mundial).

      • Mariana diz:

        Não questiono tanto amor, Rita Maria. Mas diz-me por favor que tens coisas mais interessantes para fazer, senão começo a preocupar-me e vou ali aos ctt mandar-te uns livrinhos.

  3. Izzie diz:

    Ah, não sei se posso, hoje é complicado (tenho de me fazer difícil).

    • Mariana diz:

      (pronto, eu entro na tua) Ó anda! Mas anda, anda! Eu preciso tanto de ti!… Tu pensa que eu passo o dia rodeada de gente que suspira por aquele vampiro fosforescente e tem pena de mim, pá!

  4. rita maria diz:

    Na Páscoa Páscoa mesmo esta vossa Rita Maria deve estar pelo Norte a não ser que corra tudo mal 😦

    • Mariana diz:

      Podemos tomar café no norte que eu não me queixo nada.
      (e também não estava a pensar marcar café para domingo de Páscoa, nem sequer para a sexta-feira santa, mulher!)

      • rita maria diz:

        Tenho, estou cheiinha de trabalho mas eu a e Internet damo-nos muito bem, estes comentários são os dois resultados de no máximo um minuto de pesquisa cada um. Para além disso aprende-se sempre alguma coisa 🙂

        (mas podes mandar-me os livros à mesma, não te acanhes)

  5. Mariana diz:

    Agora vou só ali ao mercado que tenho a casa sem fruta (e sem batatas!), mas volto já. Fiquem à vontade, façam de conta que estão em vossa casa.

  6. Izzie diz:

    (ó eu a armar-me em importante) Também estou a fazer pesquisas, mas por um documento que não sei em que pasta arrumei. Se não o encontrar, em vez de um copy-paste e algumas correcções/adaptações, tenho de escrever novo testamento.

    Na Páscoa, se não me der uma crise de caspa, vou para londres! Yay! Vou dia 3 e volto dia 8 de Abril. E isto sou eu a presumir que era convidada seja para o que for, e a fazer-me já de indisponível para não passar pela humilhação da rejeição.

  7. DNC diz:

    Está-me a querer parecer (Ou será está a querer-me parecer?) (Ou ainda está a querer parecer-me?) que vamos ter que organizar um road trip ao centro do país, a ver se ninguém fica de fora do cafézinho, nem ninguém se sente lesado por ter que se deslocar mais que outros, tipo, sei lá, Figueira da Foz. Que me dizem?

    • rita maria diz:

      Eu tenho uma road trip blogosférica marcada, a uma pastelaria em Oliveira de Azeméis e parece-me um bom sítio….

      • DNC diz:

        E essa road trip é para quando?

      • rita maria diz:

        É um plano à la Rita Maria, para um dia que esteja bonito e em que tenha tempo 😀

      • DNC diz:

        Esses planos são do melhor!

        (Eu sugeri a road trip, mas aviso já que a minha disponibilidade está sempre dependente dos meus dependentes… se é que me faço entender… mas se apontarmos lá para meio do ano – altura em que as constipações, gripes e afins se manifestam em menor quantidade e “qualidade” – a coisa é capaz de se dar 😉

      • Mariana diz:

        Ó Rita Maria, tu conheces Oliveira de Azeméis?… É que não é lá grande coisa. A menos que a pastelaria seja incrível, convido-vos antes para virem tomar chá cá a casa, que quem vai a Oliveira (terra de mi sogro) também faz mais uns 30km até chez moi.

      • rita maria diz:

        Não, só conheço Sever do Vouga a que tenho muitas ligações cruzadas. Mas a pastelaria é a da Joana, uma rapariga conhecida por Maria Bolacha.

      • DNC diz:

        Olha, eu vinha aqui dizer que também não sou grande fã de Oliveira de Azeméis (os meus tios já lá moraram e fui lá passar uns dias e achei um tédio) mas se é para ir à pastelaria da bolacha mais gira da blogosfera, então é já!!!

        (A Maria Bê é mesmo gira, gira, gira!!!)

        (Não desfazendo da Rita, que também é uma moça bem apessoada! :))

      • Mariana diz:

        A Maria Bolacha tem uma pastelaria? Road trip a Oliveira já!! Vá, marquem lá isso, peguem na Izzie e nos dependentes da Dora e vinde, vinde.

      • DNC diz:

        Ai que estamos em sintonia!

      • Mariana diz:

        Ó Izzie, nós não somos giras. Queres vir comer bolinhos comigo, que estas vão fazer um clube?

      • DNC diz:

        Oh Mariana, não sejas ciumenta! Eu não posso falar de ti, que nunca te vi… nem à Izzie…

        (Mas aposto que são tão giras como eu! :))

      • Mariana diz:

        Hmpf. Isso soa-me a graxa para vires comer bolinhos.

      • DNC diz:

        Mas é preciso engraxar? Pensava que isso já estava mais que certo! Primeiro umas bolachinhas na pastelaria da Maria Bê e depois cházinho chez-toi. Só falta definir o quando. Ou estarei enganada?

      • Izzie diz:

        É, eu sou muita gira. Então hoje estou deslumbrante, nem vos digo nem vos conto 😀
        Se mete bolos, tou nessa (mentira, é mais pela companhia, que bócezes, num desfazendo, sois gajas do caraças)

      • DNC diz:

        Oba, oba! A Izzie também alinha! (B)Road trip!

      • Mariana diz:

        Temos de chamar aquela amiga da Izzie que a obrigou a comprar as calças de magra, está visto, para vir desancar a que se diz feia.

        De resto é marcar, minha gente. Que se é no norte pode ser antes da Páscoa.

  8. Anna Blue diz:

    Eu não percebo nada de colheitas do Nepal mas estou sempre pronta para deitar conversa fora. Onde é que eu me sento???

  9. Anna Blue diz:

    Acho que vou ter de ficar por este café… Sou uma” cortes”, eu sei…Mas posso sempre enviar pastelaria aqui da zona e assim fazer-me representar. Que tal?

  10. DNC diz:

    Meninas, agora a sério: adorei a ideia da road trip (claro, se fui eu que a sugeri) e alinho, mas não sei se o posso fazer antes de Abril ou Maio…

  11. rita maria diz:

    Uiiiiii, o que já vai aqui. Eu comunico que eu hoje estou horrível, não sei o que me deu para vir toda da mesma cor, que a Mariana é giríssima, que as fotografias da Dora no Facebook não dão par ver e que suspeito já ter visto uma fotografia da Izzie nuns tempos mais conturbados da blogosfera mas já não me lembro onde nem como e era à la Dora, não se via muito e acho que tinha uns óculos de sol. Na altura aliás nem investiguei muito, achei sempre que era daquelas que iam ficar secretas até ao fim e que nunca conheceríamos, só depois de morrer é que descobríamos que era a colega da secretária do lado e eu tendo a respeitar essas decisões. Timewise eu também demoro 🙂

    Entretanto a coitada da Anna Blue vinha à espera de conversê cibernético e coitada…

    • DNC diz:

      Por acaso a minha foto de perfil do FB até está bem gira (cof!cof!), mas nessa altura eu ainda só tinha passado por uma gravidez… mas concordo que não dá para ver bem como sou. (Nada gira, isso é um facto.)

    • Anna Blue diz:

      Não, não, por quem sois!!
      Tenho cá para mim que a qualquer momento isto descamba e dá para meter uma ou outra colherada, mas no entretantos gosto de assistir a esta engraçada conversa de café, que gosto.
      Mas depois pelo menos coloquem fotos dos bolos, ok? 🙂

    • Izzie diz:

      É, sou muito low profile. Coisas minhas. E onde terás visto essa foto, que nunca me publiquei no blog? Deixa lá, não perdes nada em não me conhecer a fronha. Mas se for na road trip, tiras as teimas. E depois não te queixes.

      • rita maria diz:

        Não me lembro mas não foi no teu blogue, claro. Foi “naqueles tempos”.

      • Izzie diz:

        Ah, se foi numa divulgação não autorizada, acho que eu não estava lá. Mas de óculos escuros, é possível ser eu, já não digo nada.

      • rita maria diz:

        Sim, óculos escuros, cabelo pelo ombro e uma mala a tiracolo, preta salvo erro (não me lembro se a foto era de corpo inteiro ou se chegava só a essa mala). Mas a minha memória visual é muito fraquinha e é possível que estivesse enganada, claro.

  12. rita maria diz:

    Acho que pode ter sido no Facebook, I. Something. Desculpa, não me lembro de mais, como não andava à procura e encontrei sem querer, se encontrei, o meu cérebro não registou bem a informação.

    (eu sou um bocado esquisita porque a minha avó era tipo Pide e por isso cresci numa casa em que o meu diário não era secreto porque era só o que faltava alguém considerar sequer lê-lo)

    • Izzie diz:

      Foi no face, cruzámo-nos algures. Essa sou eu, e acho que não estou reconhecível. Pessoas da minha criação não me reconhecem (e o cabelo agora está diferente, por acaso)

  13. rita maria diz:

    Nada reconhecível, confirmo. Tanto quanto sei, já nos cruzamos na rua imensas vezes. Se calhar até vens no meu autocarro, serás aquela senhora que até parece muito distinta mas depois corta as unhas para o chão?

  14. Mariana diz:

    A Izzie faria lá uma coisa dessas, Rita Maria! Só se fosse depois de uma inteira de Bushmills e num dia em que viesse vestida de azul cueca.

  15. rita maria diz:

    Se bebesse uma inteira de Bushmills eu reconhecia-a pelo hálito. My nose is a sucker for Irish Malt.

    • Izzie diz:

      Uma pessoa vai trabalhar, produzir para o Relvas não me vir aqui bater, e vocês a descascar. Bonito, sim senhora.
      Nunca cortei as unhas no autocarro. Nunca! E uma senhora não bebe na rua, só no recato do lar. Eu cá sou muito recatada. Hips. Se agora depois vou ao pão de chinelas e xaile pelos ombros, se ando pela rua a perguntar as horas a quem passa, ou a espalhar embalagens de comida de gato do lidl, isso é outra coisa. E no autocarro, o máximo que faço é queixar-me do governo e dar conselhos de moda a toda a gente.

      • Mariana diz:

        Se forem umas chinelas Vuitton (há?) e uma pashmina de malha de seda acho que podes vir ao papo-seco sem problema.

  16. Maria Bê diz:

    Miss Mariana,
    Estamos combinadíssimas para um chá das cinco, com bolos ou sem bolos, em altura a definir e segundo a conveniência aqui da malta. Estou em OA ao fim-de-semana (chiu, se vem a Protecção de menores e sabe estou feita, mini-cookie fica com mamãe enquanto a sua progenitora trabalha e, segundo faz constar, contribui para o PIB — por isso está a desgraça que está…).
    No fim-de-semana mando-te um mailito e logo trocamos mais informação.
    Ando mesmo estupidamente ocupada e ausente blogosfericamente falando. Mas, auto-flagelando-me pela pieguice, tenho saudades e voltarei assim que possível.
    Um sorriso bem mais feliz depois de ter lido estas entradas todas!

  17. Izzie diz:

    Não consigo encontrar aqui o email de você, tinha uma coisa a propor-lhe 😦
    (não são porcarias, não te vou vender nada, nem te vou cravar nada)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: