não é o fim nem o princípio do mundo, mas começa a ser um pouco tarde

Desde pequena que meço as coisas em termos do tempo que já passou e do que ainda falta passar. Quando vou de férias é como se o tempo se distribuísse numa subida e numa descida, como se estivesse a aumentar até meio e depois, quando já faltasse passar menos do que o que já tinha passado, começasse a diminuir e aí sim, começaria a aproximar-se o fim.

Recentemente apercebi-me que meço o tempo dessa forma com todos os prazos. E – não podia ser de outra forma – está a ser também assim com o prazo mais importante do ano. Caramba, 5 meses. Já falta passar menos tempo do que aquele que já passou e eu com praticamente tudo por fazer. Ainda não chegou a hora do pânico mas, como o tempo, já faltou mais.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Anúncios
%d bloggers like this: