o blog mais monótono de sempre

É um bocado sufocante que o meu estado de espírito se tenha tornado dependente, em exclusivo, da “vontade” do meu filho. Quando me perguntam como estou respondo habitualmente em função das horas que dormi e da qualidade da noite que passou. Ou das sestas que ele  tenha feito durante o dia, permitindo-me ser um bocadinho mais que a sua fonte de alimentação e conforto. Dói ver-me assim reduzida.

Às vezes há dias em que me arrependo até à última célula do meu corpo. Pela perda da minha paz, que custou tanto a encontrar e conquistar. Pelas aulas que estou a perder, por não estar a cumprir o meu sonho de sempre. Há dias em que me sinto um trapo, incapaz de continuar. E dias em que o sol espreita atrás do nevoeiro.

Para a semana volto à escola e já prevejo um misto de felicidade e angústia. Dizem que há vida depois dos filhos e neste mês comecei a acreditar que isso só aconteceria daqui a 18 anos. Afinal é na segunda. E ainda que sejam só 6h por semana, vai fazer-me bem o ar, as pessoas, o regresso a mim.

Anúncios

6 thoughts on “o blog mais monótono de sempre

  1. a.i. diz:

    pensei que ias iniciar uma rubrica revolucionária, que era apontar os piores blogs da blogolândia, assim num movimento contra-corrente aos posts que apontam os “melhores” blogs 😛

    mas vejo que é tema sério. Um bom regresso a esse ar! (quanto a bebés, eu aqui sou a recebedora de informação, não tenho nenhum e não percebo nada do assunto )

  2. Filipa diz:

    Já passei por algo parecido (acho que to escrevi num dos email’s). O regresso às aulas vai fazer-te bem. Vais falar com outras pessoas, sobre outros assuntos, fazer uma coisa que gostas…
    Posso garantir-te que existe vida depois dos filhos. A minha começou por volta dos 5-6 meses, altura em que ele ficou mais “independente”, passou a interagir mais, a gostar mais de passear, entre outras coisas. Mas não é uma vida exactamente igual. Às vezes é melhor. Outras vezes, nem tanto. Depende dos dias e do humor das partes envolvidas. LOL!

    Qualquer coisa que precises, diz. Desabafar e perceber que as outras pessoas também passaram pelo mesmo, ajuda. 🙂

    • Queen of Hearts diz:

      Este teu segundo parágrafo parece meu, Filipa 🙂 Completamente de acordo 🙂

      Mariana, que este passo de regressares à frequência das aulas te saiba muito bem!

  3. São João diz:

    Areja, mulher, areja. Vai-te saber melhor o regresso a casa.

  4. Margarida diz:

    Bom recomeço de aulas! Beijinhos

  5. Izzie diz:

    Bom, agora que já arejaste, vem lá contar coisas, vem.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: