Monthly Archives: Dezembro 2015

a andar para trás 

A propósito da recente criminalização do piropo (com a qual concordo em pleno, faço já o disclaimer), lembrei-me de uma teoria sociológica de que me falou o meu pai há muitos anos e de que não cito o autor porque realmente desconheço. Dizia a tal que, quanto mais civilizada uma sociedade, menor a sua necessidade de leis e regras, porque maior é a sua capacidade de auto-regulação. Porque, depreendo eu, qualquer pessoa civilizada compreenderá a agressão de um piropo e, como tal, não o verbalizará.

Concordo, portanto, com a criminalização. Mas custa-me muito que seja necessária e o que diz de nós enquanto sociedade.

Anúncios

natal, paradigmas modernos

As echarpes são as novas meias.