respirar fundo 

Vais inscrever o teu filho na natação e a tua principal preocupação não é escolher o melhor professor, tecnicamente, mas o melhor ao nível dos afectos. E percebes que se calhar até estás no bom caminho para seres a mãe que achas que deves ser.

(e depois até escolhes o mais giro e tudo, olhó universo a piscar-me o olho. Verde!)

Anúncios

3 thoughts on “respirar fundo 

  1. Izzie diz:

    Como indivídua que fez natação muitos anos, boa escolha. Só comecei aos seis, sete anos, e já me sentia à vontade dentro de água, mas para pequeninos é essencial essa coisa de se sentirem seguros e protegidos com quem os lidera. Aprender a técnica vem depois 🙂

  2. Vânia diz:

    Acho que sim, colocando os afectos à frente, vejo a coisa bem encaminhada. 🙂

  3. mae maria diz:

    é respirar fundo e enviar-lhe um sorriso de simpatia, lol. Mas si, ter um técnico com boas competências afetivas é importante.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: